REUNIÃO TÉCNICA PARA AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL –EQUIPE GESTORA – REDE PRIVADA DE ENSINO 2016

No dia 6 de Abril de 2016, no auditório da EAPE, foi realizada uma reunião técnica e pedagógica direcionada aos 473 gestores das Instituições Educacionais Privadas para apresentar a avaliação institucional – equipe gestora 2016. A Avaliação Institucional tem como objetivo analisar o contexto escolar considerando os fatores associados ao processo educativo. A mesa de abertura foi composta pelo Prof. Fábio P. Sousa – Subsecretário de Planejamento, Acompanhamento e Avaliação (SUPLAV) e Prof. Álvaro M. Domingues Jr – Presidente do Conselho de Educação do DF (CEDF). (A Profª. Maria José V. Féres, ex- Presidente do CEDF, participou também da fala de abertura do evento. Na ocasião, estiveram presentes Conselheiros do CEDF, representantes do Sindicato dos Professores em Estabelecimentos Particulares de Ensino do DF- SINPROEP, do Sindicato dos Estabelecimentos Particulares de Ensino do Distrito Federal – SINEPE e da Associação de Pais e Alunos das Instituições de Ensino do DF – ASPA-DF). Na oportunidade foi apresentado o sistema online para a realização da avaliação prevista para 25/04 a...

Escolas particulares também serão avaliadas pela Secretaria de Educação

Pela primeira vez, a Secretaria de Educação do Distrito Federal vai avaliar institucionalmente as 473 escolas particulares da rede de ensino brasiliense, nos mesmos moldes em que ocorre com a rede pública. A novidade foi apresentada pela Subsecretaria de Acompanhamento e Avaliação Educacional (Suplav) aos gestores dessas unidades, nesta quarta-feira (6), em reunião no Centro de Aperfeiçoamento dos Profissionais da Educação (Eape). O processo será realizado uma vez por ano, sem data definida previamente. Em 2016, o período para aplicação dos questionários vai de 25 de abril a 11 de maio. A medida atende a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB). Além disso, de acordo com a Resolução nº 1/2012, do Conselho de Educação do Distrito Federal (CEDF), a responsabilidade da implantação e manutenção do ensino no DF é aplicada ao poder público e a avaliação é requisito para credenciamento das escolas privadas. A avaliação institucional é realidade na rede pública desde 2013, quando os primeiros formulários começaram a ser planejados pela recém-criada Gerência de Avaliação Institucional. No ano seguinte, o questionário foi aplicado aos gestores de cada unidade da rede pública com foco em informações cobre dimensões de gestão de pessoas, infraestrutura, proposta pedagógica, condições do trabalho, fontes de recursos, relações com a comunidade escolar, democracia e participação, gestão e estudantes, conforme previsto no artigo 5º e incisos da Resolução nº 1/2006, do Conselho de Educação. Já em 2015, a avaliação chegou às salas de aula, ocasião em que 30 mil professores também responderam a questões essenciais para o contexto escolar. Para este ano, outra novidade é o método para aplicação dos formulários. O processo,...